>

Resenha #2: As Vantagens de Ser Invisível - Stephen Chbosky


Hoje vamos falar do nosso querido amigo Charlie o protagonista do livro "As Vantagens de Ser Invisível". Esse adolescente de 15 anos de idade vive na década de 90, e sofre alguns problemas em decorrência da morte do seu melhor amigo Michael, e também de sua querida tia Helen, quando ainda era pequeno.

O livro é todo escrito através de cartas feitas pelo Charlie, e não sabemos muito da vida dele, apenas o que ele nos conta nessas cartas destinadas à um amigo, que não sabemos se é real ou imaginário, o que fez eu me sentir muitas das vezes como o receptor delas.

Além disso, o autor não quer que julguemos os personagens. Logo no início do livro, Charlie diz a seu desconhecido amigo que está mudando os nomes das pessoas para preservar a identidade das mesmas, e para com isso ele não julgá-las, e sim entende-las.

A história começa quando Charlie entra para o ensino médio, e muito tímido não consegue fazer amizades, porém ele tenta reverter a situação . Apaixonado por leitura, ele conhece Bill, seu professor de Língua Inglesa, que o incentiva a ler mais, e a longo prazo os dois viram grandes amigos. E buscando a aproximação com seus colegas de classe, ele acaba conhecendo e se tornando amigo de Patrick e Sam, que são veteranos, e com eles resolve aproveitar de tudo nessa vida.

E é através de Bill que durante a leitura acabamos nos deparando com diversas referencias literárias, além de musicais e cinematográficas.

De curtição e amor à drogas e abuso sexual, Stephen Chbosky consegue abordar os mais diversos assuntos, que acontecem com diversos tipos de adolescentes.

Quanto a família, ele tem uma bem estruturada, com pais e dois irmãos. Candance, sua irmã mais velha, o ama de verdade, e se preocupa com ele, apesar de alguns momentos de tensão que os dois viveram. Seu irmão mais velho é jogador de futebol americano, e tem uma ótima relação com Charlie, que por sua vez tem uma grande admiração por ele.

Charlie enxerga os acontecimentos de uma forma quase inocente, não procurando sentidos ocultos neles. Na realidade, ele apenas avalia os fatos de uma forma um tanto quanto fria, o que lhe permite uma visão mais ampla.

Não me identifiquei completamente com o protagonista, mas posso afirmar que pelo menos com uma característica do mesmo todos irão se identificar. Com uma leitura atemporal, tive vontade de ler "As Vantagens de Ser Invisível" de uma vez só, porém isso não ocorreu (hahahahaha).

Com toda certeza recomendo esse livro, para que todos possam se sentir infinitos assim como eu e o Charlie.

Gus
Titulo: As Vantagens de Ser Invisível;
Titulo Original: The Perks of Being a Wallflower;
Autor: Stephen Chbosky;
Tradução: Ryta Vinagre;
Editora: Rocco - Jovens Leitores;
Gêneros: Literatura juvenil, Romance epistolar;
Número de páginas: 224;
ISBN: 978-85-325-2233-7;
Ano: 2007;
Adaptação cinematográfica: Outubro de 2012;
Leia a 1ª carta aqui.

Próxima
« Prev Post
Anterior
Next Post »