>

“O Diário de Anne Frank” ganhará duas novas adaptações cinematográficas


Depois de mais de 55 anos desde a primeira produção de Hollywood, a Alemanha esta agora preparando o primeiro filme sobre a história de Anne Frank. Michael Souvignier e Walid Nakschbandi estão co-produzindo o filme. "Nós queremos fazer a história de Anne Frank tocar os jovens de hoje," explica Souvignier, que é conhecido por tratar de questões politicamente sensíveis.

A jovem Lea Von Ackeren vai fazer o papel principal, enquanto Martina Gedeck e Ulrich Noethen irão interpretar seus pais. O diretor é Hans Steinbichler e o roteirista é Fred Breinerdorfer. Ele também escreveu "13 Minutos", que estreou recentemente no Festival de Berlim, uma história de tentativa de assassinato a Hitler.

As gravações estão marcadas para acabar no final desse mês e o filme deve ser lançado entre o final desse ano e o início do ano que vem nos cinemas. 

Também está sendo produzido, desde o ano passado, outro filme biográfico, uma animação sobre a vida de Frank escrito e dirigido pelo israelense Ari Folman, indicado ao Oscar por "Valsa com Bashir" (2008). Folman e Elbaum, que era o mais recente co-produtor de Folman, negociou os direitos para o lançamento mundial da animação em todos os meios e em todas as línguas.
Trazer "O Diário de Anne Frank" para todas as telas é uma oportunidade e um desafio fantástico", disse Folman. "Há uma real necessidade de um novo material artístico para manter a memória viva para as gerações mais jovens."
A Fundação Anne Frank em Basileia, gerente dos direitos mundiais dos arquivos de Frank, concedeu à produção acesso a todo material arquivado disponível. 

A animação é em stop-Motion e deve chegar aos cinemas ainda esse ano.
Próxima
« Prev Post
Anterior
Next Post »